Queda da Dinastia Ming?

Junho 30, 2009

Segundo o médico Dr. Tom Clanton dos Houston Rockets, a  lesão que impediu Yao Ming de dar o seu contributo na série das Meias-Finais da Conferência Oeste frente aos L.A. Lakers, vai manter o poste chinês afastado da competição, pelo menos, durante a próxima época.

No entanto o cenário pode ser ainda mais negativo, já que é possível que esta lesão possa provocar o término da carreira de Yao Ming, uma das grandes figuras da NBA, do desporto chinês e mundial.

Difícil tarefa têm agora os responsáveis dos Houston Rockets em preparar as próximas épocas, pois a incerteza quanto ao futuro de uma das principais referências da equipa texana deixa uma grande incerteza em relação ao que fazer e que jogadores poderão tentar contratar caso o gigante chinês não possa continuar a dar o seu contributo à equipa.


Torneio ‘O Farol’ – Prémio Fair Play

Junho 30, 2009

A equipa do Sport Lisboa e Benfica levou para Lisboa o prémio Fair Play, atribuído após votação das equipas participantes.

fair play_slbenfica


Torneio ‘O Farol’ – Vencedor Masculino

Junho 30, 2009

Real Madrid Club de Futbol – vencedor do Torneio Internacional ‘O Farol’, no sector Masculino. Na Final derrotou o seu rival do F.C. Barcelona por 86-62!

1ºrealmadrid

 

Classificação:

1º . Real Madrid CF

2º . FC Barcelona

3º . CD Póvoa

4º . GDB Leça

5º . FC Porto

6º . SL Benfica


Torneio ‘O Farol’ – Vencedor Feminino

Junho 30, 2009

Grupo Desportivo da Gafanha – vencedor do Torneio Internacional ‘O Farol’, no sector Feminino. Na Final derrotou a equipa da A.B. Porto por 67-60!

1ºfemgafanha

 

Classificação:

1º . GD Gafanha

2º . AB Porto

3º . FC Porto

4º . GDB Leça


Torneio ‘O Farol’ – Dia 3 *

Junho 29, 2009

Terminou no domingo-28 Junho 2009 a terceira Edição de “O Farol”, Torneio organizado pelo Grupo Desportivo de Basquete de Leça com apoio da Câmara Municipal de Matosinhos, e que praticamente lotou a bancada do Pavilhão Municipal de Leça da Palmeira. De facto, se o total de “visitas” diárias rondou as 500, hoje este número ficou largamente ultrapassado devido ao aliciante dos jogos e do programa do dia que incluiu animações que proporcionaram: “Quantum Quest”, “Escola Alberta Lima” , e ainda os sempre vibrantes concursos de Lances Livres e de Two Ball (dois atletas por equipa em cada concurso, com um minuto de tempo para concretizar o máximo de pontos. De referir os vencedores destes concursos foram: a dupla do GDB Leça Ana Sobrinho e Rita Lino – no Two Ball, e, Aleix Puxadas (FC Barcelona) no concurso de Lances Livres.

Desta vez as iniciadas do GDBLeça não conseguiram igualar a classificação de 2008. A derrota com o FC Porto levou-as ao quarto lugar, e último do grupo feminino.

P6280126

Já na muito disputada final feminina, partida que teve diversas oscilações no marcador, a Selecção do Porto/ABP, viu-se impedida de renovar o título de “O Farol”, pois a vitória final foi para as recentes Campeãs do Distrito de Aveiro: GD da Gafanha, por 67-60.

Faltava apurar e ordenar a classificação; entre o 6º. e 5º. Lugares o SL Benfica e o FC Porto classificaram-se por esta ordem, com a vitória para o FC Porto por 75 – 49. 4º. e 3º. Lugar foi disputado entre duas equipas que se defrontaram em várias ocasiões no decorrer da época. O GDB Leça ter-se-á ressentido do esforço do jogo anterior com o FC Barcelona, e como tal decaiu de produção na recta final da partida. Vitória para o CD Povoa por 60-49, e o 3º. Lugar na classificação final.

P6280115

Com as bancadas repletas de adeptos e aficionados, e Fernando Rocha como árbitro principal, pularam Real Madrid e Barcelona à procura do balon. Os primeiros dez minutos foram muito equilibrados, normal, no entanto notava-se que os maiores argumentos físicos do Real Madrid poderiam levar a melhor, e de facto ao intervalo a diferença virou a seu favor, uma diferença em nada impossível de recuperar. No reatamento da partida o banco do Barcelona tentou encontrar soluções que contrariassem-se a maior velocidade e poder debaixo dos cestos do Real Madrid, mas sem o conseguir pois se o contrariava na defesa, logo perdia no ataque ao encontrar uma defesa muito bem organizada que cortou todos os caminhos ao Barcelona. Real Madrid foi claramente superior em todos os aspectos, venceu esta partida por 86-62, e assim mais um título (o segundo) de “O Farol”.

O Torneio não terminou sem que no decorrer da Cerimónia de Encerramento, se procedesse à entrega de lembranças e do prémio principal – “O FAROL”, réplica do Farol da Boa Nova, comum a todos as equipas participantes.

Os prémios individuais no sector Masculino foram para Pablo Rodriguez (R. Madrid); Alexandre Pinheiro (CDPovoa); Pedro Meireles (GDBL); Francisco Sanchez (R. Madrid); Jordi Barbera (FC Barcelona).

cincoideal_massc

 

No Feminino os prémios foram entregues a Rita Lino (GDBL); Catarina Rolo (FCP); Susana Lopes (ABP); Carolina Marques (GD Gafanha); Joana Soeiro (GD Gafanha).

cincoideal_fem

Por votação das equipas, o Prémio “Fair Play” gentilmente oferecido pela Associação de Basquetebol do Porto, foi atribuído à equipa do S.L. e Benfica.

Terminamos como começamos… “Terminou no domingo-28Junho2009 a terceira Edição de “O Farol”…” até Breve!!

 

* Texto e fotografias gentilmente enviados por Vitor Monteiro, do GDB Leça.


Vagas preenchidas

Junho 29, 2009

A 26 de Maio do presente ano publicámos um texto intitulado ‘Vagas na base espanhola’, onde escrevemos sobre as possíveis escolhas do treinador Sergio Scariolo para ocupar a posição de base na selecção de Espanha que se prepara para tentar conquistar um troféu que tem fugido a esta geração de talentosos jogadores – o título de Campeão da Europa.

Na altura indicámos 4 jogadores com capacidade para integrarem a lista final de Scariolo, e com potencial para melhorar o 2º lugar final obtido em Madrid no ano de 2007: Carlos Cabezas (Unicaja Malaga), Raul López (Real Madrid), Ricky Rubio (DKV Joventut) e Sergio Rodriguez (na altura a defender as cores dos Portland Trailblazers, agora transferido para os Sacramento Kings). Incluímos ainda os nomes do jovem Sergio Lull (Real Madrid) e de Victor Sada (Regal Barcelona) como possíveis alternativas a ter em consideração.

A lista dos jogadores seleccionados foi agora divulgada por Sergio Scariolo e os três bases escolhidos foram Carlos Cabezas, Raul López e Ricky Rubio, optando Scariolo por três jogadores que assumiram papel de destaque nas suas equipas na temporada de 2008-09 e que tiveram elevado tempo de jogo, ao contrário do compatriota Sergio Rodriguez, um pouco encostado nos Portland TrailBlazers. Além deste trio de bases, Scariolo chamou ainda o jovem Sergio Lull para integrar os trabalhos da selecção espanhola, mas num papel de ‘Invitado’.

Scariolo mantém assim a linha de opções de Aito G. Reneses que tão bem conta do recado deu nas Olimpíadas de Pequim, apenas trocando o indisponível José Calderón pelo seu antigo atleta no Unicaja Malaga, Carlos Cabezas. Também nas restantes posições, continuidade é a palavra de ordem, já que os jogadores escolhidos foram praticamente os mesmos que defenderam as cores espanholas em Pequim. Além da troca de Calderón por Cabezas, a outra única troca nesta convocatória foi a inclusão do jovem Victor Claver no lugar do retirado capitão Carlos Jiménez.

O técnico natural de Itália escolheu ainda Pau Gasol como parte integrante dos atletas convocados para o Eurobasket 2009 a realizar na Polónia, mas apesar da esperança e da confiança reinante no seio da Federacion Española de Baloncesto de que o Gasol mais velho dirá ‘Presente’ à convocatória de Sergio Scariolo, ainda não é certo que tal venha a acontecer, e caso Gasol opte por tirar férias ao invés de representar o seu país, será um duro revés para a fortíssima selecção de Espanha.


Filhos da Penya

Junho 29, 2009

46891_6_72786_6

Ao longo da curtíssima vida do Seis25 temos sido particularmente elogiosos para com o trabalho de formação desenvolvido pelo Club Joventut Badalona. Vários foram os textos escritos com especial enfoque na qualidade dos jovens jogadores formados na Penya, e a progressiva afirmação que conseguem ter no DKV Joventut, a principal equipa do clube. As próximas linhas servem para voltar a destacar e realçar o desempenho do Joventut Badalona no que ao basquetebol de formação diz respeito.

As dificuldades económico-financeiras que o clube catalão sente não permitem que os seus dirigentes escolham jogadores internacionais de grande craveira para constituir o seu plantel. A aposta recai nos jovens valores que todos os anos saem das equipas de base da Penya, sejam eles catalães, espanhóis, europeus ou de qualquer outra zona do Mundo. Tal como as restantes equipas espanholas de topo, também na Penya se aposta forte na prospecção de jogadores, e recentemente o Joventut de Badalona tem recolhido os frutos dessa aposta, seja através das inúmeras internacionalizações nas selecções jovens por parte dos seus jogadores, seja através dos resultados das suas equipas de formação, ou bem mais importante que isso, através do contributo que os seus jovens dão quando chegam à equipa principal do clube e mostram merecer a confiança de Sito Alonso e restante equipa técnica.

45469_6_62065_636288_6_60442_639537_6_55469_6

Este Verão, a Penya voltou a demonstrar o porquê de ser considerada uma das maiores forças europeias no que ao basquetebol de formação diz respeito, uma vez que no Draft 2009 da NBA, foram escolhidos 3 jogadores do Joventut – Ricky Rubio (base catalão, escolha #5 para os Minnesota Timberwolves), Christian Eyenga (atlético extremo congolês, #30 para os Cleveland Cavaliers) e Henk Norel (extremo poste holandês, #47 para os Minnesota Timberwolves).

É verdade que toda esta ‘telenovela’ em volta da transferência de Ricky Rubio pode ter afectado um pouco a imagem do Joventut Badalona – se bem que a imagem do jovem prodígio também tenha saído um pouco beliscada de todo este enredo – mas que melhor argumento poderão os responsáveis da Penya querer para ajudarem a convencer novas promessas do basquetebol a ingressarem nas fileiras do clube da Catalunha? Se a clara aposta da equipa principal em jovens formados no clube não for suficiente, se o sucesso desportivo das equipas de base não chegar, se os casos de sucesso de jogadores como Raul López, Rudy Fernandez, Alex Mumbrú, Ricky Rubio, Pau Ribas entre tantos outros não conseguir convencer os jovens que ambicionam ser jogadores de que o projecto de formação da Penya é dos melhores da Europa, talvez a viagem a 3 para o Planeta NBA destes 3 produtos das equipas de base do Joventut seja o argumento final que permita publicitar a importância e a competência do Club Joventut Badalona.