Ganhar ou voltar a casa

Acabadas as Fases de Grupo, estão encontradas as 8 equipas que começarão a disputar as eliminatórias que determinarão o novo campeão europeu. Do Grupo E apuraram-se França, Grécia, Rússia e Croácia, enquanto que do Grupo F continuam em prova a Turquia, Eslovénia, Sérvia e Espanha.

 

Neste momento, e antes de começarem os jogos dos Quartos-de-final, a França é a única equipa que ainda não conheceu o sabor da derrota desde que o campeonato começou na Polónia. De qualquer forma, isso pouco contará quando os franceses tiverem pela frente a selecção de Espanha. Os espanhóis não têm demonstrado a qualidade que lhes é reconhecida, mas quando foi preciso vencer, os grandes líderes – Pau Gasol e Juan C. Navarro – da selecção de Scariolo disseram ‘presente’, e conseguiram duas vitórias sobre Lituânia e Polónia que lhes garantiu o apuramento – mas na verdade, das 3 equipas apuradas do Grupo F, a Espanha apenas derrotou a Eslovénia. Os franceses estão em grande, e os espanhóis em recuperação, e a única certeza é que no final do dia, um dos grandes favoritos à conquista da vitória final estará arrumado da competição e de regresso a casa.

 

O outro jogo desta 5ª feira será entre dois gigantes do basquetebol europeu: Sérvia e Rússia! A renovada selecção sérvia tem confirmado algo que já se esperava: o futuro do basquetebol está assegurado com esta geração de grande qualidade: o quarteto formado por Tripkovic (23 anos), Tepic (22 anos), Velickovic (22 anos) – todos jogadores formados no histórico Partizan de Belgrado, e que desde cedo jogam na principal equipa daquele clube – e Teodosic (22 anos) tem feito a diferença. Além disso, o poste Nenad Krstic tem assumido o seu papel de destaque na equipa Sérvia e sendo um dos dois jogadores mais velhos da equipa (26 anos) continuará a ser a grande referência dos jovens sérvios. Do outro lado estará uma desfalcada Rússia, a defender o título conquistado em 2007, que tem conseguido suprir as suas ausências de vulto, chegando aos Quartos-de-final após vitórias sobre Croácia e Grécia. Será o batalhão da juventude sérvia contra a segunda linha de ataque russa, num duelo entre dois históricos do basquetebol da Europa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: